artigo sobreGabinete do Antigo 286 padrão AT de Fontes e Placa M747 Drivers e Windows 95 PlusDicas Programer

artigo sobreGabinete do Antigo 286 padrão AT de Fontes e Placa M747 Drivers e Windows 95 PlusDicas Programer - Olá amigo Dicas Programer, No artigo que você lê este tempo com o título artigo sobreGabinete do Antigo 286 padrão AT de Fontes e Placa M747 Drivers e Windows 95 PlusDicas Programer, nós preparamos bem para este artigo você ler e baixar as informações nele . espero preencher cargos nós escrevemos isso, você pode entender. Bem, boa leitura .

título : artigo sobreGabinete do Antigo 286 padrão AT de Fontes e Placa M747 Drivers e Windows 95 PlusDicas Programer
link : artigo sobreGabinete do Antigo 286 padrão AT de Fontes e Placa M747 Drivers e Windows 95 PlusDicas Programer

Baca juga


artigo sobreGabinete do Antigo 286 padrão AT de Fontes e Placa M747 Drivers e Windows 95 PlusDicas Programer

Relembre os Antigos Gabinetes 286/386/486. Conheça a antiga fonte de computador Padrão AT. Placa mãe M747 com Celeron 333 Mhz e Drivers para baixar para Windows 95/98 totalmente grátis!


Na evolução dos computadores, a época mais lembrada e aclamada no Brasil e talvez no mundo, será a dos anos 80/90. Os clássicos XT/AT 286/386 realmente foram um padrão inesquecível. Tão marcante que algumas características saltam aos olhos identificando claramente estes computadores. "Eu tive um AT 286 na época de 20Mhz com MS-DOS 4 e Windows 3.11,naquela época a informática era bem técnica e colocava o usuário em contato com o equipamento eletrônico mais inteligente já fabricado no século"  (JMJG)



Depois de assistir ao vídeo, vamos comentar algumas características técnicas adicionais.


Gabinete Padrão AT
O Gabinete do padrão XT geralmente era "deitado horizontal" exatamente como o da primeira, evidenciando um super monitor em cima dele, e suas enormes unidade de 5 1/4. Já o Gabinete do padrão AT 286/386/486, era geralmente de pé (vertical) e possuía no seu painel frontal algumas características marcantes.


  1. A primeira já era a inclusão de um Disk drive de 3 1/2, mais moderno e com maior capacidade.
  2. Existência de uma janela com pequeno display numérico LCD, que indicada a velocidade do clock. Nessa época os computadores precisavam destacar sua performance pela velocidade. O AT 286 tinha velocidades de 10 Mhz até 36 Mhz ou mais, e isso foi se estendendo até o padrão AT 486 que chegou aos incríveis 100 MHZ! Quem fazia "upgrade" para o Pentium 1 e aproveitava o gabinete, já poderia alterar os números para 166Mhz ou mais!
  3. Possuía o famoso botão TURBO ao lado do botão Reset! Este botão é único e presente apenas na família X86 (Pentium não tinha mais esta função no botão, era via configuração física).
  4. Alguns modelos possuíam uma chave (com cadeado) para proteção do teclado contra uso não autorizado (sim na época o sistema operacional MS-DOS e outros, não tinham o recurso de senha). Desta forma o dono do computador poderia "travar" o teclado para não permitir o uso do computador por pessoas estranhas.


DISPLAY LCD DA VELOCIDADE DE BOTÃO TURBO

O Botão Turbo era muito importante na época por questões de compatibilidade com os processadores do XT (8088) que operavam na faixa dos 5 Mhz ou menos. Com o padrão AT 286, os processadores tinham velocidades variando de 6Mhz mas os últimos modelos já tinham 10Mhz ou 20Mhz! Isso era um problema, pois muitos Jogos e Aplicativos do padrão XT foram herdados para o AT e poderiam ser rodados normalmente, o problema é que os desenvolvedores usavam o clock (velocidade) do processador como base da velocidade do aplicativo. Então se um jogo por exemplo rodasse "normal" em um processador de 5Mhz quando fosse executado num computador de 10 Mhz por exemplo, se tornaria totalmente "impossível de jogar- injogável" pois rodaria muito rápido no dobro da velocidade!

Para resolver isso de uma forma simples, o botão TURBO alternava manualmente a velocidade do processador, interferindo na base do clock entre o valor total (Full Speed Turbo) e exatamente sua METADE (Slow Half Speed). Assim o usuário de um AT com 10 Mhz poderia rodar aquele jogo (XT 5 Mhz) apenas desligando o TURBO, isso alteraria o clock original da máquina para a metade,exatos 5 Mhz e o jogo seria totalmente jogável novamente na velocidade normal! Para alertar o usuário para a velocidade da máquina, havia um display de LCD que indicava o número em Mhz, se o botão Turbo estivesse apertado a velocidade Total em Mhz seria exibida, se estivesse desligado, a velocidade seria exibida exatamente pela metade!

Para isso que servia aquele display LCD único e exclusivo dos Gabinetes padrão AT X86! 

Como opcional, poderia também existir um LED indicando TURBO ON/OFF ou o Led com a grafia HI/LOW, somente para confirmar o estado do botão Turbo! Ele era um botão de retenção, aperta para ligar e aperta de novo para desligar, não era um botão de pulso como é hoje nos gabinetes modernos!


FONTE AT CHAVEADA

As Fontes de Alimentação padrão AT na verdade foram as primeiras fontes de computador chaveadas que existiram, já usadas nos primeiros PC da linha XT.  No visual elas são muito parecidas com as fontes atuais (populares de baixa performance), meio quadradas e com um ventilador clássico para refrigeração.


Mas a fonte AT possui grandes diferenças. 




  • O botão de Liga/Desliga do computador é do tipo chave de retenção, aperta uma vez liga, aperta outra desliga. Ele é bem grande e possui terminais fortes, pois na verdade nele trafega energia elétrica bruta. Tudo isso pois a fonte AT deve ser ligada/desligada manualmente, ou seja, não tem como ela se ligar ou desligar sozinha! Com isso a principalmente diferença de uma fonte AT é que o botão de liga/desliga do painel do computador, está conectado direto na fonte AT e não na placa mãe como é feito atualmente no padrão ATX!
CONECTORES PADRÂO AT- CUIDADO AO LIGAR!

  • Os conectores de alimentação da placa mãe e da fonte AT são no padrão dois à dois de 6 fios, conhecidos como P8 e P9
Eles são muito parecidos, o técnico pode se confundir facilmente e liga-los errados, queimando a placa mãe/fonte dando um enorme prejuízo! 
A forma certa de ligar é deixar sempre os pretos juntos no meio!


Com isso, apesar as fontes chaveadas terem benefícios maiores em tamanho/peso/corrente do que as antigas fontes lineares, elas ainda não possuem nenhum recurso de interatividade com o sistema operacional (desliga sozinho, ACPI, suspender, hibernar,etc).


Placa Mãe M747 PC 100 BX PRO

Essa placa mãe, foi fabricada pela PC-Chips e suporta processadores da linha Intel Pentium 2/Celeron com mais de 400 Mhz de clock! Mas ela possui suporte apenas para aos famosos processadores estilo SLOT (encaixa como cartucho ou Pente de memória). O problema desta forma de encaixe, estaria no futuro avanço com o clock alto (> 700 Mhz) e o dissipador de calor ficaria totalmente inviável de ser colocado desta forma. Assim a Intel abandonou essa forma de encaixe de vez no Pentium 4!

Esta placa possui tecnologia híbrida com suporte para fontes de alimentação padrão AT e também ATX 1.0 (20 pinos).

Nosso Modelo Testado é esse M747 BX PRO 100
Como o recurso ATX é suportado ela também tem ACPI e outros recursos mais modernos de uma placa mãe. Também possui 2 slots padrão ISA 16 Bits (pretos grandes) para compatibilidade com placas de expansão usados no padrão XT!

Mas também já apresenta 3 slots do padrão PCI que são mais modernos e ainda usados atualmente em algumas placas mãe (pelo menos 1 slot PCI ainda existe). 

M747 Importada com Detalhe no SIS com Dissipador de Calor

Os recursos ONBOARD desta placa incluem vídeo 3D, som 3D e portas comuns (serial,paralela) todas já embutidas na placa. Apesar do visual limpo na traseira (sem o back panel comum das Mobo atuais), toda a conectividade é feita usando cabos flat e espelhos padrão, que se encaixam perfeitamente nos furos do gabinete AT. Seu chip NorthBridge BX Pro 100, consegue conversar com FSB de 100 Mhz com as memórias padrão SDRAM.

SouthBridge provê controle IDE de dois canais Primary/Secondary na configuração Master/Slave para até 4 dispositivos IDE-PATA. Também possui suporte para Floppy 3 1/2 Disk Drive bem comum nesta época. E ainda esta placa consegue controlar FAN/Cooler de 3 pinos para CPU com controle de velocidade e temperatura!

SIS 6326 AGP. Chip de Vídeo acelerador 3D com 8 MB de memória VDRAM integrada, com capacidade de cor de 64 bits. Um chip que fornece saída de vídeo VGA com resoluções SVGA e XVGA.  (Baixe o driver dele abaixo)

3D Sound Pro CM 8330 W/WDM: Chip de Som 16 bits com recurso 3D para Windows e recursos Midi/Wave/PC98/Aureal. Um chip de som onboard bem compatível com as famosas SoundBlaster porém aqui não possui amplificação, requerendo caixas amplificadas externas (como em qualquer som onboard). 
O sistema Windows 95 recebeu um pacote especial chamado de PLUS (+) que adicionava recursos de melhoria, tais como novos papeis de parede, temas gráficos para mouse e som.
Como Bônus para nossos Clientes, podem baixar os Manuais/ Drivers desta placa mãe, para Windows 95/98 e alguns para MS-DOS.  Também no caso do Som, podem baixar os aplicativos 3D para rodar no Windows, como se fosse o CD original, habilitando todas as funções desta placa no sistema.



Manual%20da%20Placa%20M747%20BX%20PRO%20100


Drive%20SIS%206326%20Windows%2095


Drive%20SIS%206326%20Windows%2098%2FME


Drive%20SOM%208330%20DOS%2FWindows%2095%2F98


Aplicativos%20SOM%203D%20Windows%2095%2F98


Espero que tenham gostado dessa nossa viagem ao passado. Os clássicos NUNCA morrem!

Até a próxima!

JMJG
Eng Eletrônico







Assim artigos artigo sobreGabinete do Antigo 286 padrão AT de Fontes e Placa M747 Drivers e Windows 95 PlusDicas Programer

isto é todos os artigos artigo sobreGabinete do Antigo 286 padrão AT de Fontes e Placa M747 Drivers e Windows 95 PlusDicas Programer Desta vez , espero que possa proporcionar benefícios a todos vocês . Ok, vê-lo em outro artigo post.

Você lê agora o artigo artigo sobreGabinete do Antigo 286 padrão AT de Fontes e Placa M747 Drivers e Windows 95 PlusDicas Programer com o endereço do link http://deltatheprogrammer.blogspot.com/2016/04/artigo-sobregabinete-do-antigo-286.html

0 Response to "artigo sobreGabinete do Antigo 286 padrão AT de Fontes e Placa M747 Drivers e Windows 95 PlusDicas Programer"

Posting Komentar